Maranho Cardans

Postado dia segunda, 21 de janeiro de 2019 às 07h18

O mercado de caminhões do Brasil foi um dos mais afetados pela crise econômica em uma total dependência do PIB. A tímida recuperação de 2017 passou para um crescimento de 46% no ano passado.

A base de comparação ainda é baixa, como reforçou o vice-presidente da Anfavea, Luiz Carlos de Moraes, mas sinalizou a retomada econômica brasileira.

A expectativa positiva no mercado interno brasileiro não se repete no campo das exportações, a crise argentina atinge o principal parceiro comercial, e não deve ser resolvida em curto prazo.

Fonte: Jovem Pan